Daniel Perches, do Vinhos de Corte, fala sobre o Icewine 2009 da Pericó (único do Brasil)

Anúncios

VINÍCOLA VILLA FRANCIONI LANÇA VINHO JUAREZ MACHADO DURANTE A RIO WINE AND FOOD FESTIVAL 2014

A vinícola Villa Francioni lança amanhã, 18 de setembro, no Rio de Janeiro, o vinho Juarez Machado, durante a Feira Show que faz parte da programação da Rio Wine and Food Festival. Este ano o evento acontecerá no Clube Naval Piraquê.

O artista plástico catarinense buscou inspiração em São Joaquim, na sede da Villa Francioni, para criar a série de rótulos exclusivos para o vinho que leva o nome dele. O tema aborda os cinco sentidos (olfato, tato, paladar e visão) além do universo exterior e interior, num total de 7 rótulos diferenciados. A partir das telas pintadas pelo artista, foram feitas as reproduções para os rótulos. Além das ilustrações, Juarez Machado também compôs um poema que está no contra-rótulo de cada garrafa. A elaboração do vinho Juarez Machado coube ao enólogo Orgalindo Bettú, que está na empresa desde a fundação, no ano 2000.

O rótulo foi produzido com quatro diferentes uvas: Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc e Malbec, a safra é 2007. O vinho de potente estrutura é complexo e equilibrado, lembra os sabores de café torrado. Permaneceu em estágio mínimo de 15 meses em barris de carvalho francês. O teor alcóolico é de 14%. Harmoniza com carnes assadas ou em molhos bem condimentados.

Além da presidente do conselho da Villa Francioni, Daniela Borges de Freitas, o filho do artista plástico, João Machado, estará representando o pai no evento de lançamento.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Vinho tinto da Villaggio Grando dará a volta ao mundo com a família Schurmann

Villaggio Grando estará presente na Expedição Oriente da família Schurmann. O  espumante oficial da expedição será da vinícola catarinense, com rótulo exclusivo para a aventura. Além disso, uma garrafa de vinho tinto Innominabile vai acompanhar a expedição e dará a volta ao mundo. No rótulo a assinatura de toda a tripulação. O Innominabile será o primeiro vinho tinto a dar a volta ao mundo em um veleiro. “Para nós é uma honra imensurável fazer parte desta aventura. Participar da expedição oriente significa dizer que estamos abertos para o mundo, e ver nossos vinhos sendo bebidos nos locais mais inusitados dele é uma grande satisfação”, afirma Bernardo Grando, da VG.

A Expedição Oriente vai durar dois anos, os velejadores catarinenses percorrerão cerca de 30 mil milhas (ou seja, quase 50 mil quilômetros), passando por 4 oceanos, cerca de 50 portos, 29 países de 5 continentes.

Aventura de proporções inéditas, é inspirada na polêmica teoria de que os chineses foram os primeiros navegantes a darem a volta ao mundo. Assim, os Schurmann percorrerão parte da rota dos chineses, iniciando um novo capítulo da história que teve início há exatos 30 anos, quando decidiram transformar a sua vida para realizar um sonho.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nova Veneza ganha espaço exclusivo para estudo e degustação de vinhos

Oferecer um espaço para degustar e aprender mais sobre o vinho. Foi com este pensamento que Altanir Jaime Gava, Durci Feltrin Citadin, João Paulo Gava e Galdino Gava construíram a Casa Savoia. O enocentro será inaugurado no dia 12 de setembro, no Centro de Nova Veneza/SC, e terá vinícola e local para a realização de cursos, degustação e harmonizações. “O vinho é um elemento agregador e o brasileiro está cada vez mais interessado em descobrir seus segredos, ávido por mais conhecimentos e momentos de confraternização”, afirma o sócio Altanir Gava.

A Casa Savoia já inaugura colocando no mercado cinco tipos de vinhos finos: Cabernet Sauvignon, Merlot, Chardonnay, Tannat & Ancellotta e o espumante branco brut Don Gava. As bebidas da estreia foram fabricadas por vinícolas parceiras, mas em fevereiro já começa a produção própria. “Utilizaremos também uvas de procedência italiana para fabricar os vinhos em barris de carvalho”, explica Gava.

Mas, mais que oferecer um espaço para produção de vinhos, os sócios da Casa Savoia querem disseminar conhecimento sobre a bebida. Para isto, estão programados cursos e palestras, além de degustações dirigidas por especialistas em vinho e harmonização com pratos típicos de Santa Catarina, especialmente os da gastronomia italiana. Outra ideia que deverá ser implantada, explica o sócio Altanir Gava, é uma mini-cantina, onde o enófilo poderá produzir o seu próprio vinho.

Colaboração: Solange Pierdoná/Alfa Comunicação

Exposição temporária: Pioneiros da Uva e do Vinho abre no próximo sábado (13) em Videira

A Associação dos Amigos do Museu do Vinho Mário de Pellegrin em parceria com a Prefeitura de Videira e Secretaria de Turismo e Cultura, por meio do Museu do Vinho Mário de Pellegrin estão preparando mais uma grande festa para comemorar os 83 anos da Casa Canônica e 29 anos do Museu do Vinho Mário de Pellegrin. A comemoração que anualmente é realizada em setembro, mês que a Casa Canônica foi construída, acontecerá no próximo sábado (13), com a abertura da exposição temporária: Pioneiros da Uva e do Vinho, quem em 2014 homenageará 16 famílias pesquisadas e que fizeram história no setor vitivinícola de Videira.

A exposição será composta por 18 painéis que narram desde a chegada dos colonizadores, o desbravamento do mata, as dificuldades enfrentadas e a relação das famílias com a viticultura em Videira. Na ocasião também será entregue uma lembrança, aos homenageados e suas famílias pelos trabalhos prestados a vitivinicultura videirense.

Serviço:

Exposição temporária: Pioneiros da Uva e do Vinho

Onde: Porão do Museu do Vinho Mário de Pellegrin

Data da abertura: 13 de setembro

Horário: 15h30

Período de vigência: 13 de setembro a 30 de novembro

Fonte: http://www.diariocacadorense.com.br/cultura/9962-exposicao-temporaria-pioneiros-da-uva-e-do-vinho-abre-no-proximo-sabado-13-em-videira