Clima chuvoso provoca perdas no campo em SC e afeta indústria do vinho

O excesso de chuva já prejudicou as lavouras de trigo no Oeste catarinense, obrigou o replantio de pelo menos cinco mil hectares de arroz no Vale do Itajaí, casou doenças e estragou lavouras de cebola e alho.

Com a previsão de que novembro será bastante chuvoso em Santa Catarina, em virtude do El Niño, os produtores de várias culturas estão preocupados. No Sul não dá para plantar o arroz. O plantio de milho já apresenta algum atraso e a soja também pode ser afetada. O produtor Flávio Fonseca, de Chapecó, que já teve perdas na colheita do trigo, iria começar o plantio de soja ontem e teve que adiar em virtude da chuva.

Falta de sol afeta pastagens e aumenta custo para produzir leite

A falta de sol também afeta o desenvolvimento das pastagens. De acordo com o secretário adjunto de Agricultura de Santa Catarina, Airton Spies, com menos luminosidade há menos fotossíntese e o desenvolvimento da vegetação é menor. Com isso os produtores terão que buscar suplemento de alimentação, o que aumenta o custo de produção de leite e carne bovina.

A fruticultura também deverá ter prejuízo. A vitivinicultura, por exemplo, acaba produzindo uvas e vinhos com menor teor de açúcar, o que diminui a qualidade dos vinhos. O produtor que tiver perdas superiores a 30% de sua lavoura pode acionar o banco onde fez financiamento para tentar acionar seguro.

Fonte: http://dc.clicrbs.com.br/sc/noticias/de-ponto-a-ponto/noticia/2015/11/clima-chuvoso-provoca-perdas-no-campo-em-sc-4892622.html

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s