[Vinhos de Santa Catarina] vinho da região será tema de série na TV AL

Através de um pedido do deputado estadual Natalino Lázare (PR), as vinícolas da região de Videira serão tema de uma série de reportagens especiais a serem exibidas na TV AL, que transmite os trabalhos do Legislativo catarinense. A exibição será feita em um programa que mostra o potencial econômico e cultural do Estado e servirá como um resumo do atual cenário que o setor atravessa. A captação das imagens deve ser feita na segunda semana de abril.

O material será produzido após Natalino sugerir um programa de valorização da atividade com a efetivação de diversas ações voltadas ao setor. O primeiro passo foi a criação do Dia dos Produtores de Vinho, já aprovado no plenário da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), sendo que agora o trabalho está focado em ouvir as demandas do setor para serem apresentadas ao governador Raimundo Colombo e ao secretário de Estado da Agricultura, Moacir Sopelsa.

Após elencadas as prioridades, a intenção é apresentar um pacote de medidas que possam oferecer subsídios financeiros e técnicos para que a atividade seja incrementada em todas as regiões do Estado, em especial, o Meio-oeste, que é responsável pela produção de 90% do vinho catarinense.

O objetivo é que o programa atinja do menor ao maior produtor de vinho, como forma de atender as demandas das grandes empresas – que possuem alta tecnologia e já exportam seus produtos – e também os pequenos produtores, empresas muitas vezes familiares e que estão sem amparo governamental para ampliarem seus negócios.

Ainda neste conjunto existem outras frentes de trabalho como a parceria com o Sindicato das Indústrias de Vinho de Santa Catarina (Sindivinho) para a realização de intercâmbios com outros países e ainda um trabalho de aproximação do setor com a Epagri, para que os produtores tenham maior atenção técnica nas propriedades e para que possam avançar na qualidade dos produtos elaborados no Estado.

ATENÇÃO COM A UVA

Diante da crescente demanda de matéria-prima na cadeia produtiva do vinho e do suco, a Comissão de Agricultura e Política Rural da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), presidida pelo deputado Natalino, também vai indicar a criação de um programa voltado à produção da fruta.

A intenção é oferecer condições para que os pequenos e grandes produtores possam dar início ao plantio de novos parreirais para que ofereçam condições de atender à forte demanda da indústria do setor, que atualmente se vê obrigada a buscar cerca de dez milhões de quilos de uva no Estado vizinho do Rio Grande do Sul.

Em números, a região Meio-oeste, especialmente nos arredores de Videira, produz cerca de 30 milhões de quilos de uva anualmente. Em outras regiões são mais cinco milhões de quilos, perfazendo uma produção aproximada de 35 milhões de quilos em Santa Catarina. Para atender a produção de suco e vinho, a previsão é de que esta produção tenha que dobrar para que a indústria catarinense não dependa de importação. Outra preocupação faz referência à ampliação desta atividade, já que se as empresas investirem no incremento de sua capacidade produtiva, não há como atendê-las com a atual área de uva plantada no Estado.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s