Oeste catarinense tem grande potencial para a vitivinicultura – Evento Sebrae/SC em Xanxerê

Especialistas apontam que a região possui as características para produção de uvas para mesa, vinho e suco.

O oeste catarinense pode estar diante da oportunidade de se tornar uma região produtora de vinho. Esta foi a conclusão do Seminário “Vitivinicultura: uma nova alternativa para o oeste catarinense?”, promovido pelo Sebrae/SC. O evento foi realizado durante o último final de semana no auditório da Associação de Empresários de Xanxerê (AEX).

A iniciativa teve o apoio da Embrapa, das prefeituras e das associações empresariais de Quilombo, Pinhalzinho e Xanxerê. O evento reuniu cerca de 80 produtores de uva e contou com a presença de lideranças das cidades envolvidas no projeto.

Atividades do seminário

Após apresentar um panorama nacional da produção de uvas, vinhos e sucos, o pesquisador da Embrapa Uva e Vinho de Bento Gonçalves (RS), José Fernando Protas, destacou que o modelo de produção regional demonstra ter todas as condições para o desenvolvimento da vitivinicultura. “É necessário trabalhar com foco no mercado, bom manejo, aporte tecnológico, e o desenvolvimento de um produto de qualidade”, ressaltou.

O seminário contou também com palestra do consultor do Sebrae/SC, Humberto Camargo, tratando do Sistema de Produção e novas variedades de uvas, apresentando aspectos técnicos, abordando as características das uvas tintas, de mesa, uvas finas para processamento, entre outras.

Segundo Zanuzzi, a iniciativa visou discutir as perspectivas e o fortalecimento da produção vinícola da região e apresentar aos empresários rurais e produtores, informações precisas sobre mercado e novas variedades de uva. “Pela demonstração de interesse dos participantes, percebemos que atingimos nossos objetivos”, afirmou.

Parmeggiani reforçou que a governança do projeto pretende implantar experimentos com variedades para a produção de uvas para mesa, vinho e suco, nos municípios sede dos projetos em andamento. “Com trabalho de forma articulada, boa base tecnológica e com foco para um produto de qualidade temos condições de fortalecer o potencial vinícola do oeste catarinense”, concluiu.

Fonte: http://www.adjorisc.com.br/economia/oeste-catarinense-tem-grande-potencial-para-a-vitivinicultura-1.1303611#.UdI1Qzuceuo

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s